Venda do Pinheiro – Pulseira eletrónica por violência doméstica


A GNR, no dia 25 de julho, deteve um homem de 35 anos por violência doméstica, no concelho de Mafra, foi apurado que o agressor perseguia e ameaçava a vítima, sua ex-companheira de 33 anos.


No seguimento das diligências policiais foi dado cumprimento a mandado de detenção e a um mandado de busca domiciliária, onde foram apreendidas diversas armas brancas, bem como réplicas de armas de fogo, com as quais ameaçava a vítima, refere a GNR.


O detido foi presente, no dia 26 de julho, a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial de Sintra, onde lhe foi aplicada a medida de coação de proibição de contatos e afastamento da residência, com recurso a pulseira eletrónica.



A violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva. Se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica participe:

  • No Portal Queixa Eletrónica, em queixaselectronicas.mai.gov.pt;

  • Via telefónica, através do número de telefone: 112;

  • No Posto da GNR mais próximo à sua área de residência, tendo os nossos contactos sempre à mão em www.gnr.pt/contactos.aspx;

  • Na aplicação App MAI112 disponível e destinada exclusivamente aos cidadãos surdos, em http://www.112.pt/Paginas/Home.aspx;

  • Na aplicação SMS Segurança, direcionada a pessoas surdas em www.gnr.pt/MVC_GNR/Home/SmsSeguranca.

Posts recentes

Ver tudo