Buscas em diversas autarquias locais



A Polícia Judiciária, através da Unidade Nacional de Combate à Corrupção, confirma que, no desenvolvimento de uma investigação atinente, a procedimentos de contratação pública realizados por diversas Autarquias Locais, procedeu à realização de quinze buscas domiciliárias e não domiciliárias, designadamente, em duas Câmaras Municipais, uma Junta de Freguesia, em treze empresas e em nove residências, todas situadas na área Metropolitana de Lisboa.


Está em causa uma investigação em que se visa apurar a eventual prática de crimes de corrupção ativa e passiva para ato ilícito, de participação económica em negócio e de prevaricação.

A operação em curso e as buscas agora realizadas visam a recolha de elementos indiciários de diversa natureza, tendentes ao esclarecimento dos factos objeto de inquérito titulado pelo DIAP Regional de Lisboa – 1.ª Secção, relacionados com contratação de prestação de serviços, contratação de recursos humanos e adjudicações suspeitas.

Na operação desencadeada pela UNCC, com a colaboração de outras Unidades da Polícia Judiciária, participaram investigadores, peritos financeiros e informáticos.

A investigação da Polícia Judiciária, após a realização dos competentes exames e intervenção pericial, prosseguirá visando o cabal esclarecimento dos factos que integram o objeto do inquérito, o apuramento da verdade e a célere conclusão da investigação.